CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Mauro Veríssimo
"À minha Bella, a mulher mais admirável dos jardins dos meus sonhos. Minha vida, a ti pertence."
Textos


Amo Amar Esta Mulher


O meu amor por ti não tem fim,
Faz brilhar tudo ao redor de mim.
O teu luar brilha como o sol,
Você, que é o meu terno farol!

Beija a minha boca mulher de seda,
Entrelaça o teu corpo no meu, não me perca.
A força bruta contra a delicadeza,
Enroscados por amor, energia e pureza.

Viajarei pelo teu corpo nu,
Acenderei as tuas essências,
Passarei pelo teu manto inviolado,
E subirei pela tua pele ardente.

Farei rubor no teu rosto puro,
Estremecerei as tuas bases gentis,
Refarei os caminhos da tua flora,
Em movimentos ternos de amor sem fim.

Retiro o ar da tua boca,
Gritará como louca, ficará rouca.
Essência angelical, demonizada pelo prazer,
Ser pura e divinal, que está a florescer.

E o prazer explode pelo ar,
O vulcão entra em erupção, a suspirar,
Viramos estrelas da nossa paixão, a testemunhar,
Que o elo desse sentimento, quando puro,
Faz até o céu arder em aveia e mel,
Fruto do nosso amor, infinito e fiel,
Enquanto as estrelas arderem no céu...

··... amo amar esta linda mulher...
Mauro Veríssimo
Enviado por Mauro Veríssimo em 02/02/2014
Alterado em 15/03/2018

Música: Quelqu'un m'a dit - Carla Bruni

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários