CapaCapa
TextosTextos
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
Mauro Veríssimo
"À minha Bella, a mulher mais admirável dos jardins dos meus sonhos. Minha vida, a ti pertence."
Textos


Condolências aos Irmãos de Santa Maria
 
 
 
Ficam aqui as minhas condolências para todo o povo gaúcho e, principalmente aos envolvidos, direta ou indiretamente na tragédia referente à boate que incendiou com mais de 400 pessoas sendo que, 240 delas perderam a vida.
 
De 1994 até 2011 convivi diretamente nesse mundo da vida noturna, dentro e fora do Rio de Janeiro, lembro-me da qualidade do serviço e das dependências. Algumas atingiam algum critério de segurança, outras nem tanto.
 
O que é fato dizer é que, catástrofes como a que aconteceu no sul, podem ocorrer aqui no Rio a qualquer momento. Por isso meus amigos e irmãos daqui desta cidade, peço que sempre verifiquem, não apenas a qualidade do serviço prestado, mas as condições que a casa noturna apresenta no que se concerne a segurança, pois em 70% dos casos, ela é falha e, tudo o que ocorreu para aquelas famílias, pode vir a acontecer aqui ou em outras casas noturnas que existem pelo Brasil.
 
Falta fiscalização, mas falta ainda mais o incentivo fiscal para que os proprietários dessas casas possam gerar uma política de segurança em suas dependências. O fisco do governo federal é canibalesco, animalesco, valores altíssimos. E não resta a esses empresários de eventos nenhuma alternativa, senão a de fazer com o que sobra do dinheiro, algo parecido com o que pensamos ser seguro. Nossos locais festivos estão sendo extintos por causa da falta de apoio do governo, ontem tínhamos milhares de casas de eventos, hoje contamos nos dedos das mãos.
 
Então peço, em nome do povo, ao governo municipal, estadual e federal que venham a criar um meio de auxiliar, de promover, senão para todas, pelo menos para que algumas casas não venham a falir. O incentivo fiscal é um deles, que essa isenção seja convertida em segurança para com os clientes, dessa forma, poderemos dar o ponta pé inicial para que desgraças como a que ocorreu com os nossos irmãos do sul não venham novamente a acontecer e, com isso, manter o nome da cidade do Rio de Janeiro, como Cidade Maravilhosa que ela o é de fato.
 
Cuidem-se meus amigos e irmãos, adoro todos vocês...
Mauro Veríssimo
Enviado por Mauro Veríssimo em 27/01/2013
Alterado em 15/10/2015
Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários